Let it be †

Let it be †
All Mota
Todos os textos escritos neste blogue são escritos pela autora, caso contrário estão devidamente identificados. Agora sobre mim? Bem, sou portuguesa, tenho uma irmã gémea, tudo o que aqui escrevo tem um motivo, uma razão e um porquê e em cada um é diferente, tenho um auto controlo de nível médio, mas em termos de confiança supero-me, tenho gostos e desgostos como toda a gente e de cada erro que cometo levo de cada um uma aprendizagem, sou uma pessoa calma, mas também tenho os meus momentos de loucura e também me torno bastante impaciente quando tem que ser. Sou altruísta e detesto-me por isso, defendo que nem todos os irmãos têm de ser de sangue, e como sempre quis ter um irmão da minha idade e outro mais velho tornei o meu desejo realidade. Adoro estar nos braços de um rapaz, mas tudo tem um fim e tudo acaba bem, e se não acabou bem, é porque ainda não chegou ao fim. xo-xo

† facebook † tumblr † seguir-me
02.2011 03.2011 04.2011 05.2011 06.2011 07.2011 08.2011 09.2011 10.2011 11.2011 12.2011 01.2012 03.2012 04.2012 05.2012 07.2012 11.2012 02.2013
layout : drivefaraway
icon : violetbirdy
before I was missing him , now I have his love (part one)
Sunday, November 27, 2011 @ 7:54 PM | comment (26)





Até agora ela mal se apaixonou, os relacionamentos eram poucos, quatro ao todo, assusta-a um pouco a intensidade dessa emoção, a maneira como o rosto dele se intromete nos seus pensamentos, o nome dele, a maneira como tudo, de algum modo, ela conspira para que ele não lhe saia da cabeça (...). O que achava de todas esta atenções? Bem, talvez pensasse que alguém, algures, pudesse apaixonar-se. Ela nunca questionou isso, e ele também não. A sua temperatura corporal está alta enquanto que lá fora está bastante baixa. Está em casa fechada, deitada enrolada nos cobertores. O tempo está a passar e, enquanto ele passa, ela escuta a música dele, dela, deles os dois (para não ouvir o barulho do vento), as lágrimas começam a cair entre os sorrisos das recordações boas. A saudade já os mata por dentro desde do último minuto em que se falaram. Um telemóvel não substitui uma pessoa ou o contacto físico que pode existir. A escola atrapalha os encontros entre eles, mas os factores para ajudar nisso são inexistentes.(...)
(continua), 
xo-xo all mota.

Labels: ,




I think I fell in love for real
Friday, November 25, 2011 @ 3:56 PM | comment (9)




Como é que isto me aconteceu? Tudo o que eu menos esperava era isto, mas ele apareceu assim. Aquelas pequenas coisas nas quais eu não acreditava fazem, agora, para mim todo o sentido, encontrei um rumo e agora sigo-o, em direcção a ti. Sabes o que mudaste em mim? Tiraste-me este sorriso forçado e tornaste-o num verdadeiro, o meu coração bate mais forte, a minha voz enfraquece sempre que tento dizer alto que te amo, tenho um medo enorme de te perder por um erro, faço figurinha de parva quando estou em qualquer lugar e sorrio para o vazio por estares ausente de corpo mas presente no pensamento, pergunta-me se quero ficar ou ir e encontras a resposta no meu olhar. Persegue-me em busca de amor e eu corro para ti, sempre que precisares que te diga «amo-te» chama-me que eu digo, de verdade. Não és uma perda de tempo, não paro de sorrir e agora sei o que é o amor. Vem buscar-me sempre que sentires saudade, a qualquer hora e em qualquer lugar. Conta comigo para tudo. Entraste no meu espaço, na minha zona de conforto e descobriste o meu ponto fraco, soubeste do que eu precisava no meu olhar e bastou dizeres uma só palavra para tudo mudar. Para mim a definição perfeita do amor és tu.

Labels:




i drink too much water
Friday, November 18, 2011 @ 3:59 PM | comment (51)


Cada passo que dou, dou-o conscientemente e cada um deles é dado por mim, sem influencia de qualquer outra pessoa, disso tenho a certeza. Foram actos voluntários realizados por mim e cada coisa que eu fiz de errado pode ser perdoado mas nunca esquecido. Aquela frieza que eu falei esta a passar, devagarinho, com o seu tempo. Todos os segundos são tempo.Todas as lágrimas perdidas secaram. Todas as coisas estragadas foram arranjadas. Todas as palavras nunca mais serão lembradas. Toda a minha frieza nunca mais voltará. Todos os sorrisos vão voltar, calma. Todos os obrigadas vão ser ditos e todas as desculpas vão ser entregues e ouvidas. O fim ainda não chegou, isto ainda mal começou. "EU NÃO TENHO MEDO DE COMEÇAR DE NOVO, TENHO MEDO É DE CHEGAR AO MESMO RESULTADO."

(só um aparte)
Eu sei que não estamos em época de calções nem de biquínis, só que é assim eu neste verão (2011) todos os biquínis e calções que eu comprava montes de gente tinha iguais, alguém me sabe dizer lojas ou sites de venda de roupa online onde vendam este tipo de biquínis e/ou de calções? Qualquer sugestão eu aceito, obrigada.





xo-xo all mota

Labels: ,




off
Monday, November 14, 2011 @ 7:46 PM | comment (23)








Ando farta de tudo e de todos. Ando fria, uma autentica cubo de gelo para toda gente. Todos os dias e todas as coisas para mim, ultimamente tem sido todas um total fracasso! Peço desculpa por tudo e por nada, quando sei que o erro foi meu ou não, andam todos cansados de mim, ninguém me suporta. Isto vai mudar, pelo que me dizem. Eu só quero encher o céu de luzes. Sinto a falta dele, imensa, já não dá para aguentá-la, eu não amo, não o detesto, não o vejo como um amigo, nem como um namorado, temos uma relação (in)definida, ando perdida, sem qualquer rumo, não me consigo orientar, está tudo uma confusão, não sei o que fazer, para onde ir, não tenho nenhum porto seguro, cansei disto. Deve ser falta de amor.

Labels:




oh god!
Wednesday, November 9, 2011 @ 9:09 PM | comment (13)








Ando simplesmente viciada neste tipo de imagens, amo, amo, amo! amo completamente!
Sobre mim? Bem não há nada de novo, para vos contar hoje, as minhas notas andam todas a descer literalmente, mas hei-de conseguir recuperar (espero eu), e a minha vida amorosa está a dormir um bocadinho. Apesar de tudo ando feliz, sim, feliz, por incrível que pareça ando assim, as coisas estão a resolver-se, o sentimento está a tornar-se noutro verdadeiramente novo e estou a recuperar, devagar, mas estou, estão a (re)compor-se, cada qual no seu lugar, amas saudade já aperta. Bem, e vocês? Que têm para me contar de novo? 
xo-xo, all mota.

Labels:




found in the trash
Thursday, November 3, 2011 @ 5:53 PM | comment (34)



imagens retiradas de more than 100 words.
Infelizmente mão tenho andado nos meus melhores dias, sinto-me fria, e não, não é fria da chuva e das temperaturas relativamente baixas que temos tido, mas fria daquele tipo, vazia, como um cubo de gelo com toda a gente, respondo as pessoas de uma forma estúpida, quando alguém percebe que se passa alguma coisa e me quer ajudar eu limito-me a não deixar, ando uma autentica parva com toda a gente e depois das coisas acontecerem eu sei que errei, mas não consigo pedir desculpa a essas pessoas com quem eu errei, parece que estou a querer que elas 'sofram'. Eu já errei e sofri muito por rapazes, eu sei e sinto isso, mas isso vai mudar, vou voltar ao que eu era, como eu era antes do sermos o que fomos, com o que errei contigo eu vou aproveitar esse erro para aprender, aprender a separar umas coisas das outras e quem só tem a culpa nas relações sou eu e tu, não posso culpabilizar ninguém do que aconteceu e depois fazer aqueles que mais amo sofrer por mim, chega!

ps: vou andar ausente da blogosfera, como tenho andando ultimamente, mas sempre que cá vier estarei aqui para voces, xo-xo, all mota.



Older Posts & Newer Posts