Let it be †

Let it be †
All Mota
Todos os textos escritos neste blogue são escritos pela autora, caso contrário estão devidamente identificados. Agora sobre mim? Bem, sou portuguesa, tenho uma irmã gémea, tudo o que aqui escrevo tem um motivo, uma razão e um porquê e em cada um é diferente, tenho um auto controlo de nível médio, mas em termos de confiança supero-me, tenho gostos e desgostos como toda a gente e de cada erro que cometo levo de cada um uma aprendizagem, sou uma pessoa calma, mas também tenho os meus momentos de loucura e também me torno bastante impaciente quando tem que ser. Sou altruísta e detesto-me por isso, defendo que nem todos os irmãos têm de ser de sangue, e como sempre quis ter um irmão da minha idade e outro mais velho tornei o meu desejo realidade. Adoro estar nos braços de um rapaz, mas tudo tem um fim e tudo acaba bem, e se não acabou bem, é porque ainda não chegou ao fim. xo-xo

† facebook † tumblr † seguir-me
02.2011 03.2011 04.2011 05.2011 06.2011 07.2011 08.2011 09.2011 10.2011 11.2011 12.2011 01.2012 03.2012 04.2012 05.2012 07.2012 11.2012 02.2013
layout : drivefaraway
icon : violetbirdy
TU !
Tuesday, February 15, 2011 @ 3:23 PM | comment (4)


Tenho em mim todos os sonhos do mundo. Olhei-te nos olhos, e percebi o quão importante és para mim. Já existe um sentimento criado chamado amizade. Eu pensei que se pudesse revelá-lo e fazê-lo viver, acrescentaria uma nova luz às estrelas, nova beleza ao mundo e maior amor ao coração dos homens, esse é o meu objectivo e vamos os dois ser felizes, juntos, continuar com esse "nós", essa amizade. Pode ser pouco o tempo, pode ser menor a amizade, pode ser pouca a distância, pode ser que eu nunca me torne mais do que especial, pode ser que eu não seja a única para ti, pode ser que deixemos de falar por coisas parvas, por coisas estúpidas, mas o tempo vai ser mais, a amizade vai crescer, a distância vai ser ainda mais pequena, porque onde quer que eu esteja, seremos sempre o que fomos, somos e seremos, esse "especial" pode não acontece mas existe, essa "única" talvez e se deixarmos de falar por coisas parvas, coisas estúpidas, vamos ambos olhar para trás e reparar o que perdemos, o que já sentimos e voltamos a sorrir, eu e tu e tu e e eu, uma amizade, apenas isso e nada mais. Apesar de ter havido um "afastamento", nunca me vou arrepender de te ter chamado AMIGO ! 






Older Posts & Newer Posts